Precisa de ajuda?
Digite o código de rastreio e acompanhe o seu pedido:
Atualizando carrinho ...
Seu carrinho está vazio... Ao adicionar produtos ao carrinho eles aparecerão aqui :)
Carrinho de compras
Atualizando informações ...

Camomila Romana a 10% - Óleo Essencial - 10 ml (Laszlo)

Ref: 3382
Marca: LASZLO

Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível
Descrição Geral

DESCRIÇÃO:
A camomila romana, também conhecida como camomila-de-paris, macela, mançanila, camomila ou camomilha é uma erva perene da família das asteráceas, nativa da Europa.

Os antigos egípcios consagravam-na ao Deus Sol Rá e os médicos gregos prescreviam-na para tratar todo tipo de febre e também e para untar o corpo.

Era conhecida dos saxões como maythen e era uma das nove ervas sagradas da Lacnunga, o antigo texto anglo-saxão, a camomila é famosa há muito tempo pelos seus poderes curativos. O nome camomila deriva da expressão grega Kamai melon, que significa “maçã da terra”.

É conhecida como a “médica das plantas” porque cura as plantas vizinhas das suas doenças.

PROPRIEDADES TERAPÊUTICAS
Excelente calmante, sedativo e anti-inflamatório, útil em problemas como conjuntivites, dores reumáticas, nervosismo e insônia.

Analgésico, antianêmico carminativo, digestivo, emenagogo, antitérmico, hepático, sedativo neural, estomáquico, tonificante, vermífugo e vulnerário.

Artrite, articulações inflamadas, dores musculares, reumatismo e distensões. Também é indicado para dor de ouvido, dor de dente e a dor da dentição das crianças.

PROPRIEDADES COSMÉTICAS
Indicado para acnes, alergias, queimaduras, cortes, eczema, inflamação, picadas de inseto e erupções cutâneas. Também é bom para o cabelo.

PROPRIEDADES EMOCIONAIS (PSICOAROMATERAPIA)
Desenvolve amor e o senso de perdão nas pessoas. No tratamento de depressão e síndrome do pânico.

Útil para pessoas que sofreram choques profundos, traumas. Ameniza stress pós-operatório.

PERFUMARIA
A camomila romana tem um aroma quente, doce e herbáceo.

Largura 3.00 cm
Altura 3.00 cm
Comprimento 7.00 cm
Peso 40.00 g
Ficha Técnica

Detalhes técnicos do produto:

Código 3382
Código de barras 7898694927139
Marca LASZLO
Avaliações
SOBRE OS ABSOLUTOS

O QUE É UM ÓLEO ABSOLUTO

Os óleos absolutos possibilitam extrair da planta moléculas maiores ou não voláteis, que não podem ser extraídos por destilação a vapor, método de extração tradicional dos óleos essenciais. Por possuírem moléculas mais densas, os absolutos costumam apresentar consistência mais espessa, podendo formar uma massa sólida ou viscosa, variando de acordo com o tipo de planta. Os absolutos são geralmente mais concentrados do que os óleos essenciais e altamente aromáticos

Não utilize óleos absolutos puros sobre a pele. Para aromatização use 1 a 3 gotas em colar difusor pessoal ou 6 a 15 gotas em difusor de ambiente.

USO LOCAL: não exceder 0.25%. de concentração.

Wikipedia - Usados em perfumaria e aromaterapia, os absolutos são similares aos óleos essenciais. Como estes, os absolutos são concentrados altamente aromáticos, compostos por substâncias oleosas extraídas de plantas, mas enquanto os óleos essenciais são produzidos por destilação, fervura ou prensagem, os absolutos são produzidos por extração por solventes ou, mais tradicionalmente, pelo processo de captura de aromas conhecido por enfleurage.

Na produção dos absolutos, o material vegetal é inicialmente sujeito a um processo de extração utilizando como solvente um hidrocarboneto, em geral hexano, para produzir uma solução conhecida por um concreto. O concreto é por sua vez extraído com etanol. O extrato de etanol é arrefecido (por exemplo, a -15 °C) para solidificar as ceras presentes na solução e filtrado a frio para produzir um extrato líquido. Quando o etanol evapora, a substância oleosa residual é o absoluto.[1]

Tradicionalmente, o absoluto era obtido por enfleurage, processo durante o qual a pomada resultante do processo de absorção de aromas era extraído com etanol para produzir o absoluto.

O uso dos absolutos resulta da constatação que algumas matérias-primas são muito delicadas ou muito inertes para destilar a vapor e só podem produzir o seu aroma por extracção com solvente. Exemplos destas matérias são o jasmim e a cera de abelha. Entre os absolutos mais utilizados estão os derivados da rosa, jasmim, tuberosa, junquilho, ylang-ylang, mimosa, boronia, lavanda, lavandina, gerânio, sálvia, violeta, musgo de carvalho e cumaru (ou tonka).

O óleo de rosas, o absoluto de jasmim, o absoluto de tuberosa, o óleo de Orris, o óleo de sementes de ambreta (ou abelmosco), o óleo de raiz de angélica e o óleo de flor de laranjeira são ingredientes valiosos e caros utilizados na confecção de fragrâncias e sabores.

Produtos visualizados

Carregando ...